quinta-feira, 2 de agosto de 2012

A mentira e a fantasia

A mentira e a fantasia

Rodolfo Pamplona Filho

É preciso diferenciar
A mentira e a fantasia.
Enquanto a primeira
é pura destruição,
a segunda ajuda
no processo de construção.

Na mentira, há intenção
de iludir com uma enganação,
em que não há possibilidade
de dizer ser outra visão da verdade,
já na fantasia, o que há
é uma nova forma de encarar
a nua, crua e dura realidade
com uma pitada de criatividade.

Seja Papai Noel
ou a inocente cegonha,
não há porque ter vergonha
do que um dia se creu,
pois mesmo um Deus
já foi desacreditado,
por quem está do seu lado
e nada aconteceu...

Brasília, 15 de outubro de 2011.

4 comentários:

  1. Fantástico,a fantasia faz parte do próprio crescimentpo humano, sem ela o homem não se desevolve de forma adequada...ao passo que a mentira é criada no divã da consciência, com uma segunda intenção ,para obtenção de algo.Por isso a mentira destrói...
    Nara Barreto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nara!
      Perfeito comentário!
      Eu não faria melhor...
      Bjs,
      RPF

      Excluir
  2. Ainda bem que vc mes estimulou a comentar, porque no meio de tanto blog ruim que a net oferece, o seu é um oásis maravilhoso!! O poema é incrível!!! A fantasia é algo essencial para o ser humado, fantasiar é ser feliz... por isso é que eu sou completamente adepta de todo tipo de fantasia....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lia!
      Seja bem-vinda ao blog!
      Fico feliz que tenha gostado!
      Bjs,
      RPF

      Excluir