domingo, 30 de setembro de 2012

Soneto da Oração

Soneto da Oração

Rodolfo Pamplona Filho

Oração é o que se pode fazer,
quando não se pode fazer nada,
mas não é só o que se deve fazer,
quando não se sabe o que fazer

pois nem sempre somos quem faz
o que é preciso fazer na hora,
não sendo tolo quem clama por ajuda
a quem possa talvez trazer a cura

Não há problema em pedir socorro
ou não saber se mato ou morro
na hora que se perde o caminho.

Todo apoio que se tem é importante,
pois não existe um único instante
em que se queira estar sozinho.

No vôo de Salvador
para Imperatriz-MA (via Brasília),
09 de novembro de 2011.

6 comentários:

  1. Oração vem do coração, e deve ser a gratidão pelo milagre da vida, no silêncio e na harmonização do corpo e mente. Mas quando a angústia e o desespero vier bater em seu peito, oração será falar à Deus o que Ele já sabe, Ele sabe o que tens vivido, o que tens chorado e o que tens sofrido, mas mesmo assim Ele quer te escutar, porque você não está sozinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Maristela Josiane

      É a mais pura verdade...
      Abraços,

      RPF

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir