sábado, 15 de junho de 2013

Sentimento Inominado


Sentimento Inominado

Rodolfo Pamplona Filho
Vivo constantemente
um sentimento inominado
ao tentar entender
se falo para o lado
certo do cérebro amado

Há muito constatei
que o lado esquerdo,
que serve para a lógica,
matemática e coerência,
é visivelmente retardado

Já, literalmente, por outro lado,
o direito, que é reservado
para a sensibilidade,
interpretação e poesia,
é, sem dúvida, super-dotado

E assim vou vivendo,
na inconstância do momento,
sem saber se o que digo
é o inicio da solução
ou a causa da confusão.

Se o lado esquerdo
controla a linguagem
e a razão, como viver
para, um dia, saber
onde guardo minha emoção?

Se o lado direito
é bom em reconhecer rostos,
o que seria de quem
perde o adolescente poder
de julgar pela aparência?

Se o lado esquerdo
detecta o presente
e racionaliza o lugar no universo,
o lado direito é onisciente
e onipresente em qualquer verso.

Por isso, o esforço em entender
se mistura com o prazer
de simplesmente conviver,
a cada dia, com cada lado
do chamado sentimento inominado.

Salvador, 09 de junho de 2012.

4 comentários:

  1. Imagem sem pertinência temática.

    http://4.bp.blogspot.com/-uz8aY9SV7jc/T8qRGuxOjdI/AAAAAAAACo4/3MoiVpOKeqk/s640/cora%C3%A7%C3%A3o+e+c%C3%A9rebro.JPG


    http://sbcoaching.com.br/blog//wp-content/uploads/2013/04/raz%C3%A3o-e-emo%C3%A7%C3%A3o-12-04.jpg


    http://farm6.static.flickr.com/5184/5598598907_59f080a3df.jpg

    ResponderExcluir
  2. http://4.bp.blogspot.com/-HgS7_fBGqvw/T_4ofKRYaLI/AAAAAAAAC9c/oq9PvboKccw/s1600/equil%C3%ADbrio.jpg

    ResponderExcluir