quarta-feira, 7 de março de 2012

O dia está só começando!

O dia está só começando!

Rodolfo Pamplona Filho

O dia está só começando!
A vida renasce no amanhecer...
O dia está só começando!
A esperança renova no florescer...
Não importa se faz sol
Não importa se faz chuva
O que interessa é que
a noite foi deixada de lado
e, com ela,
toda a incerteza do passado...
O hoje é a vitória
do sonho sobre o pesadelo,
do projeto sobre o desespero,
da saudade sobre a solidão
e da luz sobre a escuridão.
Por isso, toda vez que pensar
que a energia está acabando,
lembre-se que, a cada novo raiar,
o dia está só começando!

Salvador, 06 de agosto de 2011.

16 comentários:

  1. A cada dia, o sol se levanta e dá tudo de si, todos os dias....se você não o enxerga, ele não deixará de nascer por isso, e se o enxerga, agradeça a Deus por isso.
    Por isso sorria, cante, e se embriague de amor.
    "Só existem dois dias do ano que nada pode ser feito. Um se chama ontem e outro se chama amanhã. Portanto, hoje é o dia certo para amar, acreditar, fazer e principalmente viver".
    Dalai Lama

    ResponderExcluir
  2. Para mim, este poema pode ser traduzido em uma única palavra "esperança". É ela que nos move e nos faz sentir vivos e capazes de acreditar que dias melhores virão.Surpreendente, como um dia após o outro é capaz, se não de curar, ao menos, de aliviar os problemas, as dores e aflições vivenciadas! Desde pequenos, quando envoltos em nossos problemas, ouvimos de nossos pais, avós, músicas,a seguinte frase: "durma, que amanhã será um outro dia'... Creio, que a frase e o poema, refletem o fato de sermos feitos pela renovação, e o inicio de um novo dia reflete, justamente, esta posssiblidade de mudança, como uma nova folha de caderno aberta para a escrita de uma nova história, ou da mesma, mas, redesenhada de uma forma mais condizente com os nossos sonhos, ao menos penso e tento escrever a minha desta forma.

    ResponderExcluir
  3. Maristela Josiane7 de março de 2012 12:46

    Que lindo Leiliane.
    Me revigora a esperança de um novo tentar, a cada dia, a cada novo dia...
    Maristela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Maristela! Palavras que tocam nossa alma sempre nos levam a este tipo de reflexão!
      Tive a oportunidade de ler alguns comentários seus, inclusive o deste poema, são bem profundos e bonitos!
      Leiliane

      Excluir
    2. Queridas Leiliane e Maristela

      Fico feliz que o blog tenha possibilitado o encontro de vcs duas!
      Beijos,

      RPF

      Excluir
  4. Sensacional ambos poema e comentários, fico sem dúvidas mais vivo e agradecido a Deus por poder ler tudo isso nesse momento, e peço que nunca esqueça desses ensinamentos de luz. Abraço fraterno p vcs Maristela, Leiliane e Prof. Pamplona Filho.

    ResponderExcluir
  5. Que Comece Minha Noite!

    Amo a noite, não residem nela os atrasos, não há prazos a satisfazer.
    Somente passadas de ventos e figuras que não suscito compreender.
    Preencho a noite como almejo fazer.
    Vou me deixando começar sem terminar.
    Meus dias são conteúdos amarrados, são faixas que preciso entremear.
    Quem sabe um dia eu comece um outro dia sem ter de manter a calma, fincada apenas na leveza de me surpreender?

    ResponderExcluir
  6. Confissão de Sarah!

    Pamplona, o seu blog me fez escrever mais algumas palavras.
    Eu havia preenchido agendas com poesias bobas e sofridas, elementos de “paixonite”, durante minha vida toda.
    Até que um dia eu refleti que não queria mais cantar a paixão.
    Achei que o valor maior de se expressar em forma de poemas, poesias ou canções, é o de criar algo que possa mais que tocar, fazer SALVAR.
    Já estive tantas vezes muito triste, minhas próprias poesias não poderiam me trazer sentimentos mais nobres, não podiam parar minha dor.
    Entendi que precisava de palavras felizes, que precisava cantar mais de um verdadeiro amor, cantar do melhor da vida. Mostrar também do cuidado de Deus.
    Então, parei de escrever, decidi parar de ser tocada.
    Isso perdurou por uns 2 anos e meio, até que na semana passada, eu me deixei dizer sobre pontos de um poema seu, me deixei até debater com Maristela Josiane, rsrs.
    Graças a Deus, achei quem amo e por quem sou amada. Também carrego meu filho, em estar grávida reside um dever de buscar a força do olhar e seguir enfrentando a vida.
    Assim, minha confissão é que nova porta se abriu, que me deixarei riscar outros papéis e compor sobre coisas mais felizes e reais. Motivos felizes eu tenho de sobra agora.
    Agradeço, porque também achei nas suas lindas manifestações escritas, d'aquelas palavras que podem fazer SALVAR: da dor, da derrota, da aflição, da agonia, da depressão, da raiva, do medo, até mesmo da falta de ambição.
    Obrigada, caro professor.

    P.S.: Agora meus problemas são as vírgulas, rsrs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Sarah

      Você não sabe como me feliz em me compartilhar isso!
      Vivamos, sim, sempre com poesia!
      Abraços,

      RPF

      Excluir
  7. Poeta,
    você não sabe o alento que esse seu poema em trouxe hoje...Ele é precioso.
    Obrigada!
    Beijos,
    Beatriz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Beatriz

      Fico muito feliz com isso!
      Beijos,

      RPF

      Excluir
  8. Queridos Maristela Josiane, Leiliane Aguiar, Pedro Hugo, Sarah Alcântara e Beatriz

    Confesso que estou adorando estas reflexões coletivas sobre os poemas...
    É quase um brainstorm poético virtual...
    Continuemos...
    Amei, amo e amarei...
    Beijos a todos,

    RPF

    ResponderExcluir
  9. Perfeito! Que o dia se faça feliz e caloroso de dentro pra fora e que possamos contagiar nossos próximos com paz e amor. O nosso dia interior é que faz todo a diferença.

    ResponderExcluir