quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Soneto da Interpretação da Poesia

Soneto da Interpretação da Poesia

Rodolfo Pamplona Filho

O poema não pertence ao poeta,
mas, sim, ao mundo que o interpreta.
Por isso, qualquer explicação
é pura e simples reflexão

sobre qual era a proposta,
que, originalmente, havia sido posta
para fazer a construção
de uma nova manifestação.

Mas qualquer conjectura
nunca será realmente pura
para quem conseguiu se envolver

nas palavras lançadas ao vento,
buscando novo alento
na sensibilidade de cada ser.

Na Ponte Aérea Recife-Salvador, 26 de novembro de 2011.

8 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Obrigada Layanna. Já estou lendo A Caixa Preta.

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Confesso que estou achando o máximo este papo de vocês aqui no blog!
    Fiquem à vontade, amigas!
    Beijos nas duas,
    RPF

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir