quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

A Essência de Ser Professor

A Essência de Ser Professor

Rodolfo Pamplona Filho
O magistério é a parábola do semeador...
Nós não desperdiçamos sementes...
Nós apostamos que uma delas germinará...

O magistério é a consciência plena
de que se tem o futuro de alguém
em suas mãos e em seus ensinamentos...

O magistério é o sacerdócio verdadeiro
de se entregar a uma missão, com alma de criança,
mesmo quando os outros não têm sequer esperança...

E se, ao menos, um aluno,
um único aluno simplesmente,
sentir-se desta forma,
já terá valido a pena todo sacrifício...
Salvador, 15 de outubro de 2010.

12 comentários:

  1. Professor, que lindo!
    Eu acredito que quem tem essa visão quando ensina, não tem como falhar, porque isso, pra mim, seria a verdadeira paixão pelo ensino, e essa paixão, inevitavelmente, contagia todos que estão ao redor daquele que a emana.
    Manter postura correspondente a essa visão,contudo, deve ser algo difícil, porque, querendo ou não, somos humanos, envolvidos com nossos problemas pessoais, e ainda há a rotina, que, sem sombra de dúvida, nos desgasta.
    Por isso, mestre querido, gostaria de agradecer pela atitude que o senhor sempre mantém com aqueles que estão ao seu redor, agradecer pelo fato do senhor ser constante fonte inspiradora. Com certeza o senhor marcou minha vida assim como de muitos outros alunos, tornando-se parte de nossas histórias!

    ResponderExcluir
  2. Rodolfo Pamplona Filho20 de janeiro de 2011 20:16

    Querida Tauana
    Que linda mensagem!
    Confesso que me emocionei!
    Para mim, este é o melhor feedback que um professor pode ter...
    Beijocas saudosas,

    RPF

    ResponderExcluir
  3. Quanto orgulho sinto de você!!!!
    Posso dizer de coração que "valeu a pena".
    Ter sido sua professora ha 21 anos e hoje ler o seu sentimento em relação a essa profissão tão árdua mas também prazeirosa me faz realizada.
    Obrigada Rodolfo por você ter existido em minha vida num momento de tantas mudanças. Fui aceita pelo grupo, lembra-se? Passei no teste.Que bom!bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi, Miriam!
    Seja bem-vinda ao blog!
    Descobri-me no magistério, onde me realizo tanto profissionalmente, quanto espiritualmente.
    Vc foi minha professora em 1990 e eu comecei a ensinar, já como professor universitário, em 1996 (tive boas experiências antes como professor de banca e monitor na faculdade), o que mostra que a sua lembrança estava muito viva em minha memória... Como está viva até hoje...
    Você foi muito importante na minha história, amiga!
    Foi bom reecontrá-la depois de tanto tempo!
    Beijocas saudosas,
    RPF

    ResponderExcluir
  5. Acredito que o senhor foi direto ao ponto, ao falar sobre a beleza do magistério...
    Ser professor vai além da verbalização dos conhecimentos teóricos adquiridos. É saber sentir, conviver e trocar experiências com quem está ali para ouvir e absorver... É literalmente, saber amar...
    Sabe, descobrir-se realizado em uma profissão, doando-se, sem querer algo em troca, ou melhor, apenas querendo ver a semente germinar e produzir frutos, realmente, não é um sentimento presente em todos os professores,ao menos não na intensidade que o senhor e outros belos professores vivem...
    O que mais admiro, na sua arte de lecionar, é o carinho, o respeito e a retidão com que trata os seus alunos. Arte, sim, pois,olhando para o senhor vejo que , seja na sala de aula, nos corredores da faculdade, ou nas reuniões de orientação, deseja intensamente que as suas sementes cresçam, criem raízes próprias e fortes, bem como capazes de continuar a semear o conhecimento. Adoro sentir e ver o seu sincero desejo de sucesso na vida de seus pequenos discípulos, isso é perfeito!

    ResponderExcluir
  6. Querida Leila!
    Que mensagem linda, viu?
    Tenha a certeza de que, na minha semeadura, vc foi uma semente maravilhosa que desabrochou!
    Brilhe sempre!
    Beijocas saudosas,
    RPF

    ResponderExcluir
  7. Obrigada professor!
    E espero, sinceramente, que esta semente que o senhor germinou em meu coração e mente, possa um dia, criar muitos frutos, para que pessoas maravilhosas como meus pais e o senhor tenha orgulho!
    beijocas saudosas

    ResponderExcluir
  8. Querida Leila
    Eu não tenho a menor dúvida de que verei estes lindos frutos!
    Confio no seu talento!
    Beijos,
    RPF

    ResponderExcluir
  9. Mestre, pensar Rodolfo é conforto, ombro... e que os olhares de amor, amizade e respeito pelo senhor estão espalhados. O senhor é um semeador.
    O mundo é melhor com o senhor nele, com certeza!
    Bjos,
    Jácy

    ResponderExcluir
  10. Amada Jácy
    Muito obrigado mesmo pelo seu carinho...
    Bjs,
    RPF

    ResponderExcluir
  11. Sempre vale o sacrifício. Obrigada por tudo, professor e amigo Pamplona!

    ResponderExcluir
  12. Amada Dany
    Não tenha dúvidas disso!
    Conte comigo sempre!
    Obrigado pelo seu carinho!
    Saudades.
    bjs,
    RPF

    ResponderExcluir