domingo, 9 de janeiro de 2011

Voando pelo Mundo

Voando pelo Mundo

Rodolfo Pamplona Filho
Voe
Voe sempre
Mas volte!
Conheça
Conheça todos os lugares do mundo
Mas volte!
Aprenda
Aprenda tudo que se pode ensinar
Mas volte!
Divirta-se!
Divirta-se de todas as formas possíveis!
Mas volte!

Mas volte para casa!
Sua casa é o mundo
Sua casa é o meu coração
Eu sei...

“If you love somebody, set them free...”
“Voe por todo mar e volte aqui por meu peito”...
São Paulo, 08 de outubro de 2010.

6 comentários:

  1. A idéia é justamente esta: que a simplicidade permita viajarmos com muita mais profundidade do que o discurso vazio...
    Beijos saudosos,
    RPF

    ResponderExcluir
  2. Voando pelo Mundo demonstra a possibilidade de existir um amor sem amarras, onde, mesmo se afastando um do outro fisicamente, é possível que não nos deixemos esquecer!
    Pena, que poucos conseguem conciliar amor e liberdade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A verdadeira liberdade: descubra, aprenda, divirta-se... mas volte. Numa relação de amor, em qualquer relação de amor, você deve estar completo, para compartilhar algo com alguém tão especial... afinal...
      "Dê a quem você ama: asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar." Dalai Lama.

      Excluir
    2. Prezada Maristela Josiane
      É por aí mesmo...
      Abs,
      RPF

      Excluir
  3. Oi, Leila!
    É a mais pura verdade...
    Beijos saudosos,
    RPF

    ResponderExcluir