terça-feira, 3 de abril de 2012

Seu Corpo é meu Caderno

Seu Corpo é meu Caderno

Rodolfo Pamplona Filho

Quero fazer de seu corpo
o meu caderno de poesia...
Escrever beijos com sua boca,
sede com seus seios
e universo com seu umbigo...
Declamar poemas em suas pernas,
canções em suas costas 
e sonetos em seu sexo....
Serei Tom em sua testa,
Chico em suas coxas 
e Caetano em seus cabelos...
Quero navegar na sua nuca,
mergulhar em suas mãos
e caminhar em seu colo...
Vou rascunhar o mais lindo texto 
que o tempo jamais concebeu
e, depois, descansar tranquilo
no abraço que você me prometeu.

Praia do Forte, 20 de agosto de 2011.

6 comentários:

  1. Um dos poemas mais bonitos já publicado aqui...
    Os seis primeiros versos são de prender a respiração. E o trio Tom, Chico e Caetano é a santíssima trindade da canção;poesia brasileira.
    Lindo.
    Beijos,
    Beatriz

    ResponderExcluir
  2. Oi, Beatriz!
    Este poema se tornou, rapidamente, um dos meus favoritos!
    Foi escrito com paixão e razão, ao mesmo tempo.
    Obrigado pelo seu carinho!
    Beijos,
    RPF

    ResponderExcluir
  3. Olá Rodolfo, adorei encontrar seu blog. Inclusive sou como vc, amante da boa leitura e de coisas que alegram nossa alma. Tb tenho um blog e nele compartilho poemas de diversos autores. Tudo que me encanta eu agrego ao meu blog. Parabéns pelo seu. Amei....e já faço parte do seu mundo. Venha fazer parte do meu tb!
    Bjokas e Sucesso....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Roberta!
      Seja bem-vinda!
      Será um prazer!
      Beijos,
      RPF

      Excluir
  4. Oi Rodolfo, passei, parei , curti!
    Bjs
    Visite-me : www.olharesedetalhes.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rita Pacheco!
      Fico feliz que tenha curtido!
      Visitar-te-ei!
      Bjs,
      RPF

      Excluir